Sobre não pagar 10%

Quem me conhece sabe minha opinião sobre pagar 10%: eu simplesmente não pago. E não estou sendo “amarrada”.

Acho um absurdo ter que pagar o salário do garçom sendo lanche algo já tão caro. E com isso sou teimosa pra caramba: desde já estou discordando de quaisquer argumentos a favor dessa taxa “simbólica”. O PROCON já proibiu a cobrança obrigatória, todo mundo sabe que isso é extorsão.

Mas enfim…

Fui comer um temaki num lugar que, por sorte deles, eu nem sei o nome. Fiz meu pedido no balcão e paguei no balcão, só faltou eu entrar e preparar o peixe cru. Ainda assim, notei que a conta veio com 6 reais a mais.

– Moça, não está errado?
– Não, são os 10%.
– Eu não pago taxa de serviço. Nada pessoal, só algo meu mesmo…
– Ah, ok…

Nessa hora o garçom vem com a delicadeza de um hadouken:

– Ninguém aqui tinha bola de cristal pra saber disso!

O coice me deixou tão desnorteada que só pensei em mil respostas à altura quando saí do lugar.

Parêntese. Por isso às vezes venho aqui elogiar bom atendimento. É que nessa cidade até um atendimento mediano é coisa rara. Fecha parêntese.

Outro dia, em certo estabelecimento, o garçom choramingou que os 10% eram o salário dele, do cozinheiro, do porteiro, etc. Só que se eu tivesse dinheiro pra pagar salário dos outros, eu já teria uma empresa faz tempo.

E em outra ocasião, o garçom disse que eu só poderia pagar sem a taxa se fosse direto com o gerente. Não me intimidei.

O gerente fez cara feia pro garçom e veio me perguntar se eu havia sido destratada. “Que nada, senhor, foi tudo uma maravilha, o Edgar está de parabéns”. É que eu não pago 10%.

Tenho dito: eu só pago 10% no dia em que o PROCON garantir isso também pra vendedor de sapato e roupa. Estes sim, que depois arrumam a bagunça enorme que eu fiz na loja pra, no final, levar só uma meia.

Não vou gastar quase mil reais por ano pagando pra levarem minha comida do balcão até a mesa. Em contrapartida, acho a profissão de garçom muito valorosa. O garçom é o estabelecimento conversando com o cliente, e isso é muito importante. Garçons merecem um bom salário – só que não saindo do meu bolso.

E nem precisa de bola de cristal pro óbvio.

Você também pode gostar de ler isso aqui

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>