Sobre não pagar 10%

Quem me conhece sabe minha opinião sobre pagar 10%: eu simplesmente não pago. E não estou sendo “amarrada”.

Acho um absurdo ter que pagar o salário do garçom sendo lanche algo já tão caro. E com isso sou teimosa pra caramba: desde já estou discordando de quaisquer argumentos a favor dessa taxa “simbólica”. O PROCON já proibiu a cobrança obrigatória, todo mundo sabe que isso é extorsão.

Mas enfim…

Fui comer um temaki num lugar que, por sorte deles, eu nem sei o nome. Fiz meu pedido no balcão e paguei no balcão, só faltou eu entrar e preparar o peixe cru. Ainda assim, notei que a conta veio com 6 reais a mais.

– Moça, não está errado?
– Não, são os 10%.
– Eu não pago taxa de serviço. Nada pessoal, só algo meu mesmo…
– Ah, ok…

Nessa hora o garçom vem com a delicadeza de um hadouken:

– Ninguém aqui tinha bola de cristal pra saber disso!

O coice me deixou tão desnorteada que só pensei em mil respostas à altura quando saí do lugar.

Parêntese. Por isso às vezes venho aqui elogiar bom atendimento. É que nessa cidade até um atendimento mediano é coisa rara. Fecha parêntese.

Outro dia, em certo estabelecimento, o garçom choramingou que os 10% eram o salário dele, do cozinheiro, do porteiro, etc. Só que se eu tivesse dinheiro pra pagar salário dos outros, eu já teria uma empresa faz tempo.

E em outra ocasião, o garçom disse que eu só poderia pagar sem a taxa se fosse direto com o gerente. Não me intimidei.

O gerente fez cara feia pro garçom e veio me perguntar se eu havia sido destratada. “Que nada, senhor, foi tudo uma maravilha, o Edgar está de parabéns”. É que eu não pago 10%.

Tenho dito: eu só pago 10% no dia em que o PROCON garantir isso também pra vendedor de sapato e roupa. Estes sim, que depois arrumam a bagunça enorme que eu fiz na loja pra, no final, levar só uma meia.

Não vou gastar quase mil reais por ano pagando pra levarem minha comida do balcão até a mesa. Em contrapartida, acho a profissão de garçom muito valorosa. O garçom é o estabelecimento conversando com o cliente, e isso é muito importante. Garçons merecem um bom salário – só que não saindo do meu bolso.

E nem precisa de bola de cristal pro óbvio.

Continue Reading

10 motivos para casar com alguém que corre

timing your run 580

Depois do ~sucesso~ “As 13 razões para casar com uma publicitária“, apresento uma lista que surgiu depois de conversas filosóficas com amigos e amigas que correm. Aproveitem e levem em consideração estes conselhos de quem amigo é na hora de escolher seu pretendente.

image

1. Ele lutará sempre pelo relacionamento…
Determinação é a palavra de ordem para um corredor. Então desistir fácil da felicidade dos dois não será uma possibilidade para ele.

2. … Mesmo em meio às dificuldades.
Uma pessoa que não desiste de correr mesmo com dores frequentes nas pernas não desiste de mais nada, vai por mim.

3. É fácil agradar.
Seja tirando fotos dele(a) na linha de chegada, dizendo o quanto o admira pela dedicação ou até comprando aquele tênis maravilindo de presente, coisa fácil é deixar um corredor feliz.

4. Quadro de medalhas
Você vai ficar todo(a) orgulhoso(a) na hora de mostrar aos seus amigos o quadro de medalhas da pessoa amada. Vai parecer que são suas, acredite.

5. Bom humor
Com a endorfina sempre pulsando na veia, um corredor estará sempre de bom humor. Ou quase.

tips-for-couples-who-run-together

6. Vida moderada e feliz
Como o corredor é um ser que preza pela saúde mas sabe que pode comer uma pizza sem riscos de engordar, você conhecerá as maravilhas da vida mais saudável e ativa (sendo contagiado pela energia dele) e sem ter que abrir mão das “roubadinhas” do fim de semana.

7. Exercitar paciência e dotes medicinais
Você logo aprenderá técnicas de massagem, compressa e crioterapia para ajudar seu amorzinho na recuperação de um treino puxado ou de uma prova.

8. Viajar, viajar!
As provas de corrida sempre serão desculpas pra viajarem bastante. E sendo você um corredor ou não, vai adorar conhecer lugares e assistir as provas, que são deliciosas!

timing your run 580

9. Programas divertidos
Por ser uma pessoa que naturalmente adora o ambiente da rua, praia, sol e céu, vai propor muitas atividades outdoor que tirarão qualquer relação da rotina. Prepare-se para desde caminhadas no nascer do sol até rapel, tirolesa e essas coisas.

10. Alto astral
Seja bem vindo a este universo alto astral. Você logo será contagiado por ele(a), os amigos da corrida (que logo serão seus amigos também) e tudo que faz parte desse estilo de vida. Isso se não começar a correr também…

Continue Reading

10 lições que a vida saudável me ensinou para a vida toda

1) Se você não fizer algo diferente de tudo que já fez, alcançará os mesmos resultados de sempre.
Foi no dia que tomei decisões que nunca esperava tomar (procurar nutricionista e treinamento pessoal, cortar de vez certos alimentos, pesquisar sobre nutrição e treinos) que comecei a ver as coisas acontecendo. Se você continua se dedicando a algo da forma que vem fazendo, não alcançará novos resultados. Tente algo diferente.

2) Às vezes, uma escapadinha desencadeia uma série de quedas que podem colocar muito (ou tudo) a perder.
A “fugidinha”, por si só, parece boba. Mas ela pode acarretar outra, e mais outra… até que você começa a desanimar, se achar fraco e incapaz. E isso, muitas vezes, nos faz recuar para o ponto de partida. Ou nunca mais recomeçar. Cuidado com as exceções, o “só uma vezinha” e o “mas ninguém vai saber”.

3) Para cada crítica que você recebe, há uma dúzia de pessoas admirando seu esforço.
As críticas são muitas, de todos os lados: em casa, na faculdade, grupo de amigos. Ninguém entende porque você quer “emagrecer mais”, afinal, “já está bom!”… No fundo, acredite: há uma profunda admiração por seu esforço. E, além disso, várias pessoas que vibram com sua alegria e suas conquistas. Na vida, foque no otimismo sempre!

4) Não basta obedecer regras: é preciso entender porque é necessário e importante cumpri-las.
Não é só cumprir uma dieta e obedecer uma ficha de treino. Quanto a isso, sou a chata: pergunto porque preciso comer tal alimento e para que serve este e aquele exercício ao instrutor. Não adianta seguir regras, normas, dogmas e protocolos se você não internalizou o conceito e a importância deles.

5) Seu maior inimigo é você mesmo.
Não culpe o namorado, a vizinha ou sua mãe. Não culpe o cosmos, a genética ou o destino. O seu maior inimigo é aquele que você enfrenta quando olha no espelho. São as SUAS vontades que tem que ser dribladas, SEUS medos tem que ser vencidos. Afinal, os objetivos são SEUS.

6) A motivação é importante para levantar da cama, mas é a disciplina que nos faz caminhar e seguir em frente.
A empolgação e a motivação nos fazem decidir emagrecer e fazer uma matrícula na academia. Mas só a DISCIPLINA nos faz não perder nem um diazinho sequer. É como um namoro: quando a paixão acaba e o amor, sereno, toma seu lugar, é necessário empenho, dedicação e auto renúncia para o barco não afundar.

7) O que vem rápido, vai rápido; e o que é conquistado com suor permanece por mais tempo.
Dietas milagrosas e remédios até fazem você secar 10kg em 10 dias… mas há um sério risco de que esses resultados não durem mais do que o tempo que você vai levar até a doceria mais próxima… Não foque apenas no OBJETIVO! Aprenda a valorizar e curtir o caminho que te leva até ele! É ESTE CAMINHO de luta, alegrias e tristezas que vai te ensinar muito e te fazer amadurecer.

8) A guerra demora a ser vencida, mas diariamente fazemos pequenas conquistas.
O corpo ideal demora? Sim. Coisa de meses, anos (dependendo do objetivo). Mas diariamente vestimos uma calça que ficou mais folgada, notamos que estamos mais fortes e pegamos um peso que semana passada não conseguíamos. Valorize estas pequenas vitórias! A soma delas é que te levarão onde queres chegar.

9) Motivação é algo bem pessoal: procure a sua.
“Mas que bobagem comprar roupas de academia!” Cara, eu curto treinar com uma roupa bonitinha. Para que? Para mim! Obviamente este é apenas um dos pontos que me fazem estar motivada… o importante é descobrir os seus e apostar neles! Uma boa seleção de músicas? Um quadro de fotos com sua evolução? Postar fotos na internet? Fazer parte de um grupo no Facebook? Vá em frente!

10) Nunca desista: você pode ser a inspiração de alguém.
Esta é a mais importante: quando cogitar desistir, SAIBA que pessoas (até as que você menos espera) estão se motivando e se inspirando com seu exemplo de vida. Sua família, seu casamento, seu empenho profissional, etc: tudo isso está sendo observado e admirado por pessoas. =]

Continue Reading

Coisas sobre Twitter que você precisa saber e os profissionais de Mídias Sociais nunca disseram

1) Hashtag não é Arroba. Se você saiu com a Maria e ela não tem Twitter, não faz muito sentido dizer que saiu com a #Maria. Ao clicar em #Maria, as pessoas vão ser direcionadas a assuntos randômicos: Marias do mundo todo, bolachas Maria, Ave Maria, etc.

2) “Follow” não é figurinha para ser trocada. “Vamos trocar follow?” é meio sem sentido. Outra coisa que não entendo é essa do “Segue que eu sigo de volta”.

Continue Reading